CISMU se reúne em Brasília

CISMU se reúne em Brasília

A Comissão Intersetorial da Saúde da Mulher (CISMU) se reuniu nos dias 29 e 30 para tratar de assuntos sobre o controle social no Sistema Único de Saúde (SUS), dentre os quais a Agenda Propositiva do CNS nas eleições 2014 e a 15ª Conferência Nacional de Saúde, que acontecerá em 2015.

A Comissão defende os direitos sexuais e direitos reprodutivos com o respeito às escolhas de mulheres e homens sobre sua saúde e sua vida, além de combater a discriminação de gênero e promover a redução da mortalidade materna.

Na oportunidade, a presidenta do Conselho Nacional de Saúde (CNS), Maria do Socorro Souza, afirmou que é um desafio ter um Conselho que dialoga com a comunidade. “Nos últimos três anos, houve mudanças e avanços no controle social, especialmente, no CNS e no que se refere às suas Comissões, que têm papel estratégico nesse processo de mudanças de construção”, garantiu.

Maria do Socorro falou, ainda, que para se ter boas estratégias de mobilizações nas Conferências de Saúde é preciso permitir a participação de sujeitos sociais organizados e não organizados, estimular a mobilização dos movimentos sociais através das redes sociais, plenárias e conferências livres.

Para ela, o processo das Conferências deve contemplar prioridades como: a mobilização da sociedade em defesa do SUS e do direito à saúde; financiamento da saúde; afirmação da saúde como direito humano; política de valorização do trabalhador e da trabalhadora na área de saúde; e o desenvolvimento científico e inovação tecnológica.

Fonte: CNS



Deixe uma resposta


Seu e-mail não será publicado. Seu comentário poderá ser moderado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.