Se muito vale o já feito, mais vale o que será! 2015 de muitas conquistas e realizações

Se muito vale o já feito, mais vale o que será! 2015 de muitas conquistas e realizações

2014 foi um ano de duros embates.

No cenário político o Cebes participou ativamente. Em ritmo acelerado e forte mantivemos nossa produção em alta qualidade.

Foram publicadas 04 Revistas Saúde em Debate, 02 Revistas Divulgação em Saúde para Debate, 02 livros impressos e 11 digitais e 10 vídeo-aulas.

Além disso, o site do Cebes tem sido atualizado permanentemente com artigos de divulgação originais (foram mais de 100, somente em 2014) e por meio da repercussão das notícias mais importantes sobre saúde no Brasil e na América Latina. Outras mídias sociais e sites também divulgam a produção e a luta do Cebes.

O Seminário “Democracia e Participação Popular Como Base Para um Novo Modelo de Estado e Desenvolvimento”, que o Cebes realizou como atividade preparatória ao Congresso Alames, em outubro, mobilizou não apenas os núcleos, mas diversos atores da luta pelo direito à saúde. A Carta do Brasil, produzida a partir dos debates travados, foi uma importante contribuição ao XIII Congresso Latinoamericano de Medicina Social e Saúde Coletiva. Em El Salvador, o Cebes esteve representado para compartilhar com os companheiros latino-americanos os avanços e impasses do processo da Reforma Sanitária brasileira. A presidenta do Cebes, Ana Maria Costa, foi eleita para a coordenação geral da Alames para os próximos dois anos.

Os núcleos Cebes se consolidam a cada ano e o trabalho que desenvolvem tem sido fundamental nessa trajetória: Bahia, Pará, Goiás, Distrito Federal, Ribeirão Preto, Minas Gerais, Cascavel, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Ceará, Londrina, Maringá, Espírito Santo, Alagoas, Rio de Janeiro e Baixada Fluminense de lugares e formas distintas, solidificam a presença do Cebes Brasil afora.

Intensos debates foram provocados pelo Cebes, destacando o tema da Cobertura Universal de Saúde, em que muitos núcleos foram mobilizados, além das conjunturas locais, e o próprio debate da saúde no contexto eleitoral.

E não pararemos por aqui. Em 2015, grandes desafios nos aguardam. Serão muitas batalhas; precisamos estar atentos e fortes! Com o engajamento de todos, o Cebes está preparado para prosseguir com sua missão histórica de luta pela democratização da sociedade e pela defesa da saúde e dos direitos sociais.

Muito valeu o já feito em 2014. Aproveitem as celebrações de fim de ano e recarreguem as baterias, pois 2015 está aí. A partir de 05 de janeiro, mais novidades em no site e no Facebook.

E que venha o próximo ano!

Boas Festas!

 

Ana Maria Costa

Presidente



Deixe uma resposta


Seu e-mail não será publicado. Seu comentário poderá ser moderado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.