Núcleo Cebes Recife faz caminhada contra revisão da PNAB e em defesa do SUS

Núcleo Cebes Recife faz caminhada contra revisão da PNAB e em defesa do SUS

ATO E CAMINHADA REÚNE MAIS DE 500 PESSOAS NO RECIFE PARA PROTESTAR CONTRA A REVISÃO DA PNAB, A FAVOR DA DEMOCRACIA E DO SUS

 

O importante e belo ato que aconteceu a partir da 16h foi precedido, na manhã desta quarta-feira (16.08.17) com a entrega da “CARTA PELA SAÚDE E PELA DEMOCRACIA, A NOSSA LUTA É TODO DIA!” (anexo) ao COSEMS-PE, na ocasião, representando por Paulo Dantas.  A CARTA tem o propósito de estimular a entidade pernambucana de gestores do SUS a não aprovar a proposta da revisão da PNAB elaborada pelo CONASEMS, CONASS e Ministério da Saúde.

 

Na Comissão de entrega da Carta, o Cebes-Recife esteve representado por Bernadete Antunes, Adrielly Oliveira e Jaqueline Soares. Priscila Viégas Oliveira (Conselheira do CNS), Fernando Severino (Oposição SINDACS), Luiza Batista (CUT) e Pedro Cavalcanti (PT-Estadual) também compuseram a Comissão.

 

O ato na Praça do Derby, respeitosa e carinhosamente chamada de Praça da Democracia, iniciou com uma mística – danças e cânticos da cultura nordestina – contra os golpes, e em defesa da democracia e do SUS.

 

 

Em seguida, Bernadete Antunes e Lorena Albuquerque (CEBES-Recife) se revezaram para explicar os motivos das mobilizações contra a revisão da PNAB e os determinantes desse golpe que atinge uma das políticas específicas do SUS. Sucederam-se então, mediante a coordenação de Fernando Severino (Oposição SINDACS), os vários pronunciamentos de lideranças de movimentos sociais, sindicais e de partidos políticos, entrecortados por cantos e danças que animaram muito todo o ato.

 

Em seguida o ato continuou em forma de caminhada: da Praça do Derby, por um trecho da Avenida Conde da Boa Vista. Durante todo o trajeto o ato foi animado pela alegria contagiante da batucada do Levante Popular da Juventude. Na Rua Oswaldo Cruz, em frente à FUSAM, mais uma bela e comovente mística foi apresentada e, dessa maneira o ato em defesa da democracia e do SUS foi encerrado.

 

É importante pontuar que todas as atividades dessa quarta (16.08) começaram a ser programadas na Plenária de Movimentos Sociais em 02 de agosto, e foram ratificadas no Pré-Simpósio do CEBES realizado no dia 08 de agosto.

 

O Coletivo de Residentes do Estado de Pernambuco, presente nas duas atividades, foi o responsável direto pela mobilização da grande maioria das pessoas presentes ao ato, considerando o encontro nacional da categoria que está sendo realizado no Recife de segunda a sexta (14 a 18.08.17).

 

 

Outro grupo que marcou presença de maneira significativa foi o da organização do Grito dos Excluídos. Some-se ainda o grupo da batucada do Levante Popular da Juventude, dentre muitos outros grupos de movimentos sociais, alguns sindicatos e representantes de partidos políticos.

 

Assim, o CEBES-Recife tem procurado se colocar no lugar de articulação de grupos e indivíduos que buscam resistir ao golpe e construir a alternativa a esse modo de organização social de destruição dos direitos sociais. As atividades abaixo listadas ilustram esse propósito. 18 de agosto às 9h – Pré-Grito dos Excluídos na Praça da Independência, centro do Recife.

 

  • 18 de agosto às 18h30minh – Pré-Grito dos Excluídos na Sede do MTC.
  • 26 de agosto às 9h – Pré-Grito dos Excluídos na Feira de Casa Amarela.
  • 28 e 30 de agosto às 18h – Comitê Memória Verdade e Justiça na UNICAP.
  • 01 de setembro às 16h – Pré-Grito dos Excluídos na Estação do Metrô Recife.
  • 06 de setembro às 9h – Coletiva à Imprensa sobre o Grito dos Excluídos.
  • 06 de setembro às 16h – Panfletagem na Contax visando o Grito dos Excluídos.
  • 07 de setembro 9h – 23º Grito dos Excluídos. Concentração na Praça do Derby e caminhada pela Avenida Conde da Boa Vista.


Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado. Seu comentário poderá ser moderado.