Núcleo Recife do Cebes promove conversa sobre lutas e projetos contra o racismo

O Cebes-Recife luta radicalmente contra o racismo, porque luta radicalmente por saúde e democracia!

Em homenagem à permanente luta em favor da Consciência Negra no Brasil o Cebes-Recife colocou sua plataforma a serviço do povo preto das periferias urbanas e dos quilombos para discutir suas lutas e projetos.

Foram convidado/as Ingrid Farias, da ANEPE (Articulação Negra de Pernambuco) e da RENFA (Rede Nacional de Feministas Antiproibicionistas) e Antonio Crioulo, da CONAQ (Coordenação Nacional de Articulação das Comunidades Rurais Quilombolas) para participar do webinário.

A mediação foi feita pela preta Calu Canoa e pelo preto Itamar Lages, ambos do Cebes-Recife.

Foi realizada uma leitura da nota do CEBES Nacional sobre o assassinato de João Alberto Silveira Freitas e o Dia da Consciência Negra em 2020, além de uma nota de reconhecimento à iniciativa da UFRPE (Universidade Federal Rural de Pernambuco) pela criação do Instituto Menino Miguel.

Foram realizadas intervenções artísticas com a declamação de poesia autoral de Calu Canoa e um trecho do poema de José Carlos Limeira por Itamar Lages.

O racismo determina doenças, acidentes e mortes, aprofunda desigualdades e outras doenças sociais. Ele é estrutural, institucional, explícito nas feridas das peles negras do nosso Brasil desde o início da colonização. A pauta é antiga e ao mesmo tempo atual. Precisa ser debatida intensamente para que deixe de ser naturalizada, e o CEBES Recife seguirá a disposição para abrir espaços para a discussão, a divulgação e o protagonismo de atores sociais negros e negras atuantes na sociedade pela transformação de realidades.

O debate foi realizado no dia 24/11/2020 às 19h30 e está disponível no canal Youtube/CebesNacional.

Veja abaixo:



Deixe uma resposta


Seu e-mail não será publicado. Seu comentário poderá ser moderado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.