Livros

davidcap

David Capistrano da Costa Filho foi um dos mais importantes sanitaristas da história contemporânea brasileira. Líder e político de expressão nacional, foi fundador e militante de grande destaque do Cebes.

A proposta de uma entidade que formulasse um projeto contra-hegemônico na área da saúde e que construísse meios para promovê-lo e implantá-lo foi uma das ideias mais oportunas que David teve em 1976, ano em que a ditadura militar mostrava sinais de deterioração e os movimentos democráticos começavam a redefinir o projeto político nacional.

Nesse contexto, nasceu o Centro Brasileiro de Estudos de Saúde (Cebes), a Revista Saúde em Debate e a Coleção Saúde em Debate, articulados pela habilidade e iniciativa de Capistrano.

Nada mais justo, então, do que nomear a Biblioteca virtual da entidade em sua homenagem.

Esperamos que todos tenham acesso aos melhores conteúdos.

Saúde em Debate v. 43 n. Especial 3

Saúde em Debate v. 43 n. Especial 3

Este número temático especial tem como objetivo divulgar o conhecimento científico produzido por pesquisas desenvolvidas nos campos do saneamento e da saúde ambiental, suas interfaces e impactos na qualidade de vida e saúde da população brasileira.

leia mais

Saúde em Debate v.43 nº 122

Saúde em Debate v.43 nº 122

O Cebes, ao criar a RSD, em 1976, teve como objetivo divulgar resultados de estudos e pesquisas, análises, reflexões e relatos de experiências que contribuíssem para o campo da saúde coletiva e para a formulação, o planejamento e a avaliação de políticas para o Sistema Único de Saúde (SUS). Trata-se de uma revista conhecida e lida pelos gestores e trabalhadores da saúde e que, por essa razão, acumula enorme contribuição na consolidação da política universal de saúde. Ainda hoje, quando a econometria direciona os projetos editoriais de muitas revistas acadêmicas, a RSD mantém-se firme nos seus propósitos de contribuir para a difusão de conhecimento científico aplicável ao setor da saúde. No caso em análise neste texto – os novos critérios da Capes para classificação dos periódicos –, o que poderia ser considerado uma virtude da RSD passa a ser um fator de diminuição ou de discriminação de sua presença no cenário da divulgação científica nacional. Isso não é apenas um contrassenso. É mais grave ainda, pois desenha um futuro perverso para a RSD e outros periódicos da área de saúde coletiva.

leia mais

Revista Divulgação vol. 60

Revista Divulgação vol. 60

Esta edição da revista ‘Divulgação em Saúde para Debate’ comemora os 90 anos do Sindicato dos Médicos do Rio de Janeiro (SinMed-RJ), e é resultado de uma parceria com o Cebes, retomada em 2017, mas que foi iniciada no período das lutas históricas pela redemocratização do País.

leia mais