Núcleo Recife do CEBES faz Cordel de 30 anos do SUS

por Wellington Duarte, do núcleo Recife do CEBES

Tenho certeza que você me conhece
Mas permita eu mesmo me apresentar
Eu nasci 30 anos atrás
Fruto de um gestação popular

A constituição foi o pontapé
Pra que assim eu fosse criado
E depois de dois anos lutando
Na Lei 8080 fui registrado

Um SISTEMA,
Sou assim organizado
Hierarquia e descentralização
Pra que em todo canto da nação
Eu possa ser acessado

ÚNICO,
Por princípio universal
Direito de todos e todas
Me tornei original

DE SAÚDE,
Já deu pra compreender
Não me reduza ao adoentado
Prevenção, promoção sei fazer
Vigilância e educação
Atenção à saúde e Gestão
Tudo isso eu posso ser

Sistema Único de Saúde
Pode chamar de SUS se quiser
Sou seu parceiro pra vida
Tou aqui pro que der e vier

Levo saúde pra muita gente
Muita história já tenho pra contar
Lugares que você não imagina
Lá longe já pude estar

Mas tenho refletido sobre as dificuldades
Que tive ao longo desse percurso
Muito cedo, logo ao nascer
Me deparei com insufuciente recurso

Não me deixaram ter 30%
Do prometido à seguridade
Nunca tive nem 10% do PIB
Produto da sociedade

Agora mesmo temos que lutar
Pro fim dessa emenda constitucional
Serão 20 anos de congelamento
Sem orçamento adicional

Não se engane meu amigo
O objetivo é me destruir
Pra o mercado lucrar e crescer
E o serviço público reduzir

Já tivemos tantos avanços
Nos dedos não posso contar
Muitas políticas e programas
Frutos da luta popular

Saúde da família, Mais médicos, NASF
caps, sad, vacinação
samu, transplantes, Brasil sorridente
De nada disso abro mão

E por favor não me confundam
Meu princípio é universalidade
Cobertura universal não admito
Quero ser pra todo mundo e de qualidade

Nesses 30 anos que eu completo
Passo por situações que nem acredito
É tanto ente privado
Se fazendo de meu amigo

Mas amizade de verdade
Que eu sei que posso contar
Tenho no controle social
Um ombro pra me apoiar

Eu quero pedir coragem
Força pra gente lutar
Quero chegar nos 60
Tendo o Brasil todo pra cuidar

Neste meu trigésimo aniversário
Sabe o meu maior presente?
Sentir o povo lutando comigo
De maneira consciente

Deixo aqui meu agradecimento
A tanta gente que admiro
Nasci com vocês nessa luta
Dessa luta eu não me retiro!



Deixe uma resposta


Seu e-mail não será publicado. Seu comentário poderá ser moderado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.